No comando

O Cunha promete: na segunda-feira, sairá do palácio – que é nosso – para reassumir o gabinete na Câmara, que também é nosso.