Espírito de porco

O moita aplaude as pesquisas genéticas de uso de células-tronco em embriões de camundongos e porcos. O risco nos transplantes humanos é gerarmos ainda mais ratos com espírito de porco.