Inflação de Asneiras

Nem bem passou o efeito da campanha oficial suicida “gente boa também mata”, e já outra aparece na mídia para ajudar a jogar nosso dinheiro pela janela. 

Hoje, uma página inteira no Globo me avisou que a inflação está caindo. Obrigado, governo. Outros veículos decerto também foram contemplados no magistral plano de mídia.

O país, endividado até a alma, toma dinheiro do mercado com os maiores juros do planeta para dizer à população bem informada, a que lê jornais, que a inflação está caindo, como isso não fosse um fenômeno decorrente da falta de dinheiro circulando, como não existissem as páginas de economia que se dedicam a destrinchar a nossa combalida situação.

Já os brasileiros sem acesso á informação têm contato com a mensagem de forma muito mais dramática, pois a eficácia da comunicação passa por seus empobrecidos bolsos.

“Os juros estão caindo” – informa ainda o esdrúxulo e perdulário anúncio. Para quem, caras pálidas de pau? Achincalham os brasileiros pendurados no cheque especial e no crédito rotativo do cartão com a frase, em letras garrafais: “Os bancos baixaram as suas taxas”.

Se as reformas estão colocando o Brasil nos trilhos, como afirma a peça publicitária, já era hora de o governo entender que propaganda oficial deve ser restrita às campanhas de utilidade pública, como as de vacinação para prevenção de doenças, na verdade um investimento em saúde.

Gente boa pode matar, mas quem emprega mal o dinheiro público mata muito mais.

Please reload