Lobão e o Chapeuzinho Vermelho

A princípio, o chapeuzinho não era propriamente vermelho. Variava da tonalidade acaju, próxima da cor telha, à asa de graúna nordestina, homenagem à sofrida região que representava. Ademais, a camuflagem para a cabeça combinava muito bem com o azul que dominava o ambiente, emblemática representação do sangue das dinastias locais que corria naquele paraíso terrestre.

Com o tempo, a função foi terceirizada para encampar os movimentos sociais que invadiram o éden, tornado bosque.

Certo dia, faminto por uma açucarada mamata, artigo em falta por causa de um abusado caçador de direitos fundamentais, o chefe da alcateia resolveu encarar o perigo. Travestido de mamãe, brincadeira de criança em tempos de carnaval, mandaria uma cesta de medidas de emergência para a bigoduda vovó do pedaço. Afinal, sua protetora estava velha, mas não estava morta. Além disso, a madrinha conservava bom relacionamento com o bucólico recanto que frequentara por mais de 60 anos.

Para levar a cesta básica para a velhinha, ninguém melhor que um legítimo chapeuzinho vermelho devidamente dominado. Um boné do MST ou uma ruivinha da UNE resolveria a questão a contento. Entretanto, apenas o pensamento acerca da possibilidade de utilização da emissária da entidade estudantil provocaria na raposa imensas saudades de Pasadena. A dor lancinante da perda tornou ainda mais aguda a necessidade de desforra. O apetite por vingança só fez crescer.

Lobão, a mando do chefe, esperou Chapeuzinho na encruzilhada. De lá, seguiram juntos até a casa da Vovó, onde entregou a cesta.

- O que é isso, Lobão?

- É a Comissão de Constituição e Justiça. Doce bárbaro pra baiano nenhum botar defeito.

- Por que uma comissão tão grande?

- É pra escutar o povo e sentir o cheiro de abuso de autoridade.

- E ninguém come ninguém nesse conto da carochinha, vovó?

- Calma, que o Brasil é nosso, companheiro. Pelo menos meu, é. Primeiro vamos neutralizar o caçador com C cedilha, pra gente não ser cassado lá na frente. Depois, no foro adequado, tudo se resolve. 

Please reload